RSS
 

Bullying

por: Roberto Lazaro Silveira

http://www.youtube.com/watch?v=TC13UVHD9fA&feature=related

Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo. O termo bullying, traduzido do inglês para o português, significa tiranizando – um verbo no gerúndio.

Logo, devemos vencer este estrangerismo para não mascarar tanto um acontecimento corriqueiro, ou seja, que acontece diariamente apresentando-se com várias caras: Assédio Moral, Assédio Sexual, Trote Violênto em Calouros, Violência Doméstica – Um verdadeiro bicho de sete cabeças.

Então quem pratica a tirania é o tirano e este está presente em todas as esferas sociais. A mesma pessoa pode ser agressor e agredido – quem pode mais chora menos – Pense nisto: O dono da empreza descarrega toda a raiva no gerente e este nos gerenciados, por sua vez, os gerenciados descarregam em seus cachorros, filhos, esposas, sogra e mais quem puder menos… É um ciclo vicioso.

Agora podemos notar que a tirania ocorre de professor para aluno, aluno para aluno, patrão empregado, etc… Para identificar também não setá mais um bicho de sete cabeças. São as mais diversas grosserias que acontecem independentemente se é escola, trabalho, carnaval, trânsito…

É dever da escola, assim como de outras organizações, prevenir e combater a Tirania. Os atos de bullying ferem princípios constitucionais – respeito à dignidade da pessoa humana – e ferem o Código Civil, que determina que todo ato ilícito que prejudiquem o próximo gera o dever de indenizar.

O responsável pelo ato de bullying pode também ser enquadrado no Código de Defesa do Consumidor, tendo em vista que as escolas prestam serviço aos consumidores e são responsáveis por atos de bullying que ocorram dentro do estabelecimento de ensino/trabalho.

 

Faça seu comentário